Logotipo Afya
Anúncio
SaúdeDEZ 2023

Anvisa apreende versões falsificadas de suplementos alimentares

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária tomou ação contra suplementos alimentares falsificados.

Por Augusto Coutinho

Através da Resolução-RE Nº 4.445, publicada no final de novembro de 2023, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou a apreensão e proibição de versões falsificadas de suplementos alimentares da empresa Vitafor.

Leia também: Anvisa divulga comunicado sobre falsificação de toxinas botulínicas

Anvisa apreende versões falsificadas de suplementos alimentares

Medida legal contra suplementos alimentares piratas

A decisão da agência ocorreu depois que a fabricante original informou à Anvisa que seus produtos estavam sendo vítimas de falsificação e sendo comercializados livremente em plataformas eletrônicas.

Os produtos com versões piratas são:

  • COQ-10 200 mg
  • KRILL VIT
  • ÔMEGA 3 – EPA DHA
  • OMEGAFOR VISION

Os consumidores devem ficar atentos as diferenças entre os produtos originais e os falsificados, essas muitas vezes podem ser sutis, como por exemplo cápsulas mais duras ou de cores diferentes que as originais e alterações mínimas na embalagem e rótulo.

Denúncia

A fabricante original também pede que em caso de dúvida as pessoas que adquiriram os produtos entrem em contato com ela através dos seguintes contatos:

Do mesmo modo, a Anvisa pede que os serviços de saúde que identifiquem os produtos falsificados comuniquem a agência através dos seus canais de atendimento, ou às vigilâncias sanitárias locais.

Saiba mais: Anvisa proíbe suplemento alimentar infantil por propaganda enganosa

Este artigo foi revisado pela equipe médica do Portal.

Anúncio

Assine nossa newsletter

Aproveite o benefício de manter-se atualizado sem esforço.

Ao assinar a newsletter, você está de acordo com a Política de Privacidade.

Como você avalia este conteúdo?

Sua opinião ajudará outros médicos a encontrar conteúdos mais relevantes.

Referências bibliográficas

Compartilhar artigo